Páginas

"Há pessoas que contam segredos, outras que guardam segredos... e existem aquelas que são segredos. Porém, algumas são mais que segredos... são mistérios."

segunda-feira, 21 de novembro de 2011

Vergonha de quê...

     Muitas coisas tem acontecido nestes últimos tempos. Talvez não tenham acontecido muitas coisas fisicamente, mas no meu eu, tem ocorrido grandes mudanças. De fato não sou mais o mesmo faz tem, e de certa forma gosto disso, afinal, tudo que sempre desejei foi me tornar algo novo e melhor a cada dia, mas claro, sem nunca me perder de mim.

     O trabalho toma conta de nossos dias, e as vezes nos vemos transfigurados naquilo que fazermos quanto profissão e esquecemos de visar aquilo que somos quanto pessoa. A mudança nem sempre é externa e quando é interna, pode ser ainda mais aterradora, afinal, o que muda no exterior pode ser assimilado, adaptado, mas quando algo muda aqui dentro, tudo que esta fora muda também.

     Tenho ouvido músicas, assistido filmes e conhecido novas atividades que me remetem mais a mim mesmo. Sou cada vez mais eu e menos o que me tornei gerado pela necessidade social ou familiar. Estou refazendo meus sonhos e buscando sonhos antigos esquecidos nas gavetas do sentimento, que me afastou de mim mesmo...

      Me deprecio e penso em penhascos gigantes, nos quais cairia sem fim, até envelhecer e morrer em plena queda, me desfazendo em pó e me tornando parte do todo... Não posso ser parte do todo, não sou nem parte de mim em certos momentos. Estou aprendendo a ser mais debochado e a rir de mim mesmo. Isso tem sido um achado. A vergonha está em não ser o que se pretende diante de alguém...Vergonha pra quê, de quê? Esse sentimento é um dos mais mesquinhos pois impede que se respire e que se viva como se deve. Vergonha de rir alto de chorar vendo TV ou em outras situações que seja... Vergonha pra quê? Percebi que esse sentimento é mesquinho e ruim... Não ter vergonha não é não ter noção, mas se pode ter noção com menos vergonha se preferir... Estou usando a repetição para acentuar a palavra, já que estou perdendo a vergonha de usá-la, e usei!

     Chega de penhascos e de rir baixo quando se quer, ou de chorar quando se quer, ou de comer muito quando se quer... Vergonha de quê? Pra quê... Êta sentimento danado de bobo!

sexta-feira, 4 de novembro de 2011

A Música que ouço agora...

      Ultimamente estou retornando ao meu estado normal. Acho que fiquei bem aloprado com cursos e tudo mais. Se não nos tocamos a vida nos consome por inteiro, como velas em noite de temporal. A verdade é que quando começo uma coisa, me dedico de corpo e alma. Claro, nunca vou fazer um curso que não gosto, pois a entrega não vai ser por inteiro e provavelmente vou ficar frustrado. Uma dica que dou: façam sempre o que gostam, sem dúvida vai dar certo.

     Estou começando a desenhar aos poucos e estou retomando os meus fanzines também. Já estava com saudades deles. Vou reeditar um, lançar outro e claro, sempre na medida do possível. Este ano não fiz muitas das coisas que gostaria de ter feito, mas de fato consegui muitas outras. Aprender artesanato então, foi uma realização. Fico triste por não ter evoluido muito na minha vida social, no entanto tenho consciência de que fui bem melhor do que o ano anterior e isso me deixa satisfeito.

       Atualmente tive a oportunidade de ver os 5 primeiros capítulos de Jigoku Shoujo, o live action. Bom, na verdade passa bem longe do anime em termos de qualidade, mas como é Jigoku Shoujo e eu adoro o anime, fiz questão de ver. Algumas atuações são lamentáveis... No mais, lembra muito o anime, com certas exceções como a atriz que interpreta a Emma Ai por exemplo, ser velha demais para o papel... Mas vale uma olhadinha, eu recomendo.

     Uma coisa que quero compartilhar com vocês é a música belíssima de encerramento. O anime possui uma trilha sonora impecável, e o live não ficou atrás, trazendo a maravilhosa Olivia Lufkin para encerrar os capítulos... O nome da música de encerramento é Dream Catcher e eu estou viciado, não consigo parar de ouvir. Engraçado como a musíca e mesmo universal. A primeira vez que ouvi fiquei apaixonado e quando peguei a tradução eu falei: -Era isso que eu tava sentindo ao ouví-la - Certas músicas enganam, mas esta é linda por completo, letra e melodia. Quem quiser fazer download pra conhecer é só clicar aqui.

     Aqui um trechinho da música pra vocês sentirem... É muito linda.

"Meu coração é emendado em lágrimas
A cada momento
Eu anseio por um amor que nunca terei"

"Eu quero ser aquela que alcança seus sonhos por você
A flor em meu coração ainda não desabrochou
Mas eu acredito que um dia ela irá
Eu quero ser aquela que alcança seus sonhos por você
Eu irei renascer agora, pela primeira vez
E voarei novamente"

"Eu sinto algo passando por mim
O que me surpreende
E me abre"

Ótimo final de semana pra todos... Obrigado por seguirem e por lerem!!^-^/ 
Related Posts Plugin for WordPress, Blogger...
Related Posts Plugin for WordPress, Blogger...